Follow by Email

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Um balanço da atuação da SUBVISA no carnaval

A SUBVISA trabalhou bastante neste período de carnaval!
Desde antes dos festejos, já estávamos atuando com inspeções prévias no Sambódromo, Cidade do Samba, clubes, bares, dentre outros.
As equipes que fizeram inspeções preventivas eram composta por profissionais de várias áreas da nossa Subsecretaria e verificaram os locais que receberiam os serviços e processos de trabalho que estão sob o escopo das ações de vigilância sanitária (saúde, alimentos, água para consumo humano, resíduos, entre outros).
Além das inspeções prévias, foram formadas várias turmas do curso para manipuladores de alimentos, alcançando aproximadamente 950 funcionários que trabalharam em bares, lanchonetes e restaurantes no Sambódromo e Terreirão do Samba. O intuito do curso é trazer ao conhecimento dos profissionais a maneira adequada de se manipular os alimentos reduzindo riscos de contaminação.
 Já nos dias da festa a Vigilância Sanitária esteve presente atuando todo o tempo para proteger a população dos riscos sanitários. Houve avaliação constante das condições da higiene dos ambientes coletivos, como vestiários, sanitários, camarotes, abrigo de resíduos e inspeção sanitária nos postos de saúde fixos, nos veículos de remoção de pacientes, e nos estabelecimentos que fornecem alimentos. Houve também avaliação da qualidade da água de consumo humano; inspeções para avaliação da estrutura física dos postos médicos e serviços de alimentos.
Cerca de 80 técnicos foram envolvidos nas ações sanitárias durante o carnaval, sendo 30 pessoas presentes diariamente nos dias de festa no sambódromo.
Infelizmente alguns estabelecimentos não tiveram cuidados necessários com a alimentação e por isso foram inutilizados 240 quilos de alimentos.

















0 comentários:

Postar um comentário